A história da canção Within You, Without You

Em 1965, George Harrison conheceu a cítara, um instrumento indiano, e acabou se interessando pelo pensamento oriental. Depois de estudar o instrumento com Ravi Shankar, George compôs “Within You, Without You”, expondo sua recém descoberta filosófica. George costumava dedicar, pelo menos, três horas do seu dia para a cítara. A canção começou a ser composta numa noite, na casa de Klaus Voorman, logo após o jantar. Segundo George, “Klaus tinha um harmônio em sua casa, e eu não havia tocado isso antes. Eu estava brincando com ele, tocando para me divertir, quando começou a sair o Within You. A música veio primeiro. Depois, fiz a primeira frase da letra. Era exatamente o que tínhamos feito naquela noite: “We were talking”. E foi nesse trecho que eu parei. Mais tarde, em casa, terminei a letra”. Apesar de a visão expressada na letra ter sido inspirada em ensinamentos hindus, ela chamou a atenção dos usuários de ácido da época, que se sentiam absorvidos por uma “consciência cósmica”. A frase sobre ganhar o mundo, mas perder a alma (“And the people, who gain the world and lose their soul”), fora tirada de um alerta feito por Jesus, e registrado na Bíblia. 

Ravi Shankar And George Harrison 1967

George e Ravi Shankar, em 1967.

Além de George e Klaus, Pattie Boyd e Tony King, que depois trabalharia na Apple e conhecia os Beatles desde sua chegada à Londres, também estavam presentes naquela noite. Segundo Tony, aquela noite foi uma típica noitada de descolados de 1960, com muitos baseados queimando e ideias cósmicas sendo comentadas: “Estávamos todos conversando sobre o muro de ilusão e sobre o amor que fluía entre nós, mas ninguém sabia do que estava falando. Foi um pouco ridículo na verdade. Era como se, de uma hora para outra, fossemos sábios. Todos nós sentimos que tínhamos captado o significado do universo”. Ainda em 1967, John declarou à International Times: “Somos todos um. A compreensão de reciprocidade do amor humano é incrível. É uma boa vibração, que faz você se sentir bem. Essas vibrações que a ioga, os cânticos cósmicos e coisas assim trazem são uma viagem. Uma viagem que te leva pra qualquer lugar. Não tem nada a ver com remédios. É só você na sua cabeça, a compreensão. É uma viagem. Te leva direto para o plano astral”. 

PrtScr capture

George mostrando a um músico indiano como ele quer que a canção seja tocada.

As gravações de “Within You, Without You” aconteceram em março de 1967, e nenhum dos outros Beatles estava presente. George Harrison e Neil Aspinall tocaram tamburas enquanto os outros músicos de estúdio tocavam diversos instrumentos, como dilruba (uma espécie de cítara tocada com um arco), tabla, violino e violoncelo. “Não foi difícil organizar os músicos indianos para a gravação”, conta George Martin. “Difícil foi escrever uma partitura para os violoncelos e violinos, de modo que os músicos ingleses conseguissem tocar como os indianos. O tocador de dilruba, por exemplo, estava fazendo todo tipo de movimento, então tive de orquestrar isso para as cordas e instruir os músicos a seguirem-no”. Muitos críticos ficaram intrigados e não compreenderam o motivo da gargalhada repentina depois de “Within You, Without You”, em Sgt. Pepper. Alguns, que ousaram ir um pouco mais longe na criatividade, chegaram a pensar que aquilo era obra dos outros Beatles para gozar da música indiana de George, levando em conta que eles só foram se aprofundar na filosofia indiana em 1968. Entretanto, a ideia da gargalhada fora do próprio George: “Bem, depois daquela monotonia indiana, nosso espírito pede algum descanso. É uma pausa depois de cinco minutos de música triste”.   

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s